Informação acerca da dieta da USP, com o cardápio diário e semanal da dieta da USP, identificando as vantagens e desvantagens desta conhecida dieta. Como funciona a dieta da USP e quais os cuidados que deve ter após a sua conclusão.


quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Dieta da Fruta

Esta dieta se aproveita das propriedades naturais das frutas para te auxiliar na perda de peso.
As Frutas possuem naturalmente um bom número de Fibras. E elas dão a sensação de saciedade para o organismo e com isso afastam o perigo maior da dieta: a vontade de ficar beliscando qualquer coisinha duranto todo o dia.
Um dado importante é que dietas baseadas em frutas pode acabar acelerendo em até 25% o metabolismo devido as fibras. Isso auxilia bastante no resultado do seu emagrecimento.

As frutas contêm poucas calorias e são ótimas fontes de fibras, o que auxilia no emagrecimento. Uma dieta rica em alimentos fibrosos pode acelerar o metabolismo em até 25%. Assim, o corpo queima mais calorias que o habitual.
 Frutas como  maçã, pêra, laranja, possuem uma grande quantidade de fibras associadas a grande quantidade de águas e ajudam a preencher aquela fome com muitas poucas calorias.
Sem falar que as fibras estimulam o melhor funcionamento do Intestino, eliminando os problemas cusados pela prisão de ventre.
Associadas aos Legumes voc~e pode traçar uma dieta saudável que pode te ajudar a perder peso consideravelmente.

Veja abaixo um exemplo de dieta baseada em frutas.

Primeiro dia:
Todas as frutas, com exceção de bananas. As frutas que tem menos calorias são: Melão e Melancia.
Se você comer só melão poderá perder 1,3 Kg.

Segundo dia:
Todos os vegetais (saladas). Coma à vontade (cru ou cozido).

Terceiro dia:
Frutas e vegetais à vontade.

Quarto dia:
Banana e leite desnatado, coma até 8 bananas e beba até 8 copos de leite.

Quinto dia:
Bife e tomate. Você pode comer 350 grs. de bife e até 6 tomates no decorrer do dia.

Sexto dia:
Bifes e vegetais à vontade.

Sétimo Dia:
Arroz integral, sumo de frutas sem açúcar e salada quanto desejar. Se não gostar de arroz integral não precisa comer, mas não o substitua por outro alimento.

Abuse de água duranto todo dia. Só evite beber durante as refeições.
Bebidas como  café e chá com adoçante,também podem ser ingeridas.
Esta dieta é um exemplo, por isso o idela é procurar um profissional para traçar uma dieta adequada ao seu perfil .
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL